quarta-feira, 26 de janeiro de 2011

...MAIS DA MINHA VISITA À ARGENTINA...

FINALMENTE PUDE DAR UM PULO NA CASA CURUTCHET EM LA PLATA. TANTAS VEZES LÁ E NUNCA TINHA CONSEGUIDO IR... INFELIZMENTE ERA UMA SEGUNDA-FEIRA E ESTAVA FECHADA PARA TOURS INTERNOS, MAS FICA AQUI O MEU REGISTRO DA VISITA E UM POUCO DA HISTÓRIA DESSA GRANDE OBRA ARQUITETÔNICA:

A CASA CURUTCHET, EM LA PLATA, ARGENTINA, É UM DOS SOMENTE DOIS PRÉDIOS NA AMÉRICA FEITOS POR LE CORBUSIER ( O OUTRO É O CARPENTER CENTER FOR THE VISUAL ARTS, EM CAMBRIDGE, MASSACHUSETTS). FOI ENCOMENDADA PELO DR. PEDRO DOMINGO CURUTCHET, UM CIRURGIÃO, EM 1948 E INCLUI UM PEQUENO CONSULTÓRIO NO PRIMEIRO PISO. O PRÉDIO FICA EM FRENTE AO PARQUE PASEO DEL BOSQUE. A CONTRUÇÃO COMEÇOU EM 1949 E FOI CONCLUÍDA EM 1953. A CASA EXEMPLIFICA OS 5 PONTOS DA ARQUITETURA DE LE CORBUSIER (ABAIXO). A CASA FOI RESTAURADA ENTRE 86 E 88 DURANTE O CENTENÁRIO DO NASCIMENTO DE LE CORBUSIER E DECLARADA PATRIMÔNIO HISTÓRICO NA ARGENTINA. HOJE ABRIGA A ASSOCIAÇÃO DOS ARQUITETOS E COLÉGIO DOS ARQUITETOS DE BUENOS AIRES.

OS CINCO PONTOS DA NOVA ARQUITETURA SÃO O RESULTADO DAS PESQUISAS REALIZADAS NOS ANOS INICIAIS DAS CARREIRAS DOS ARQUITETOS LE CORBUSIER E PIERRE JEANNERET (SEU PRIMO E SÓCIO). O SUCESSO DOS CINCO PONTOS FOI TAL QUE, COM O TEMPO, ESTES DEIXARAM DE SER ASSOCIADOS APENAS A LE CORBUSIER E SE TORNARAM CÂNONES DA ARQUITETURA MODERNA. ASSIM, ARQUITETOS DE PAÍSES DIVERSOS ADOTARAM OS PRECEITOS PARCIAL OU INTEGRALMENTE EM SEUS PROJETOS. NO BRASIL, O PRÉDIO DO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO E SAÚDE PÚBLICA, PROJETO DE LUCIO COSTA E OSCAR NIEMEYER, ENTRE OUTROS, (COM A CONSULTORIA DE LE CORBUSIER), UTILIZA INTEGRALMENTE OS CINCO PONTOS ARQUITETÔNICOS.

OS CINCO PONTOS SÃO:

PLANTA LIVRE: ATRAVÉS DE UMA ESTRUTURA INDEPENDENTE PERMITE A LIVRE LOCAÇÃO DAS PAREDES, JÁ QUE ESTAS NÃO MAIS PRECISAM EXERCER A FUNÇÃO ESTRUTURAL.

FACHADA LIVRE: RESULTA IGUALMENTE DA INDEPENDÊNCIA DA ESTRUTURA. ASSIM, A FACHADA PODE SER PROJETADA SEM IMPEDIMENTOS.

PILOTIS: SISTEMA DE PILARES QUE ELEVAM O PRÉDIO DO CHÃO, PERMITINDO O TRÂNSITO POR DEBAIXO DO MESMO.

TERRAÇO JARDIM: "RECUPERA" O SOLO OCUPADO PELO PRÉDIO, "TRANSFERINDO-O" PARA CIMA DO PRÉDIO NA FORMA DE UM JARDIM.

JANELAS EM BANDA: POSSIBILITADAS PELA FACHADA LIVRE, PERMITEM UMA RELAÇÃO DESIMPEDIDA COM A PAISAGEM.


2 comentários:

Ângela disse...

Paola, após ver esse post não pude resistir em deixar um comentário:

“Olho (o projeto) e em cada detalhe descubro um novo interesse, um novo espelho de diáfana beleza intelectual. Desde já compreendo que viverei uma nova vida, e, mais adiante, espero assimilar plenamente a substância artística desta jóia arquitetônica1.” (Carta do Dr.Curutchet a Le Corbusier)

Essa carta demonstra a fascinação do cliente diante de sua encomenda ao mestre Le Corbusier.
Essa obra é o exemplo em que a “inserção” é feita de forma total, sem perder os principais conceitos dos anos 20.

obrigada por nos mostrar essa beleza.

beijos com carinho

Paola Graziella disse...

Oi Ângela! Eu que agradeço por me brindar com esse trecho da carta do Dr. Curutchet tão inspirador! Um beijo enorme e obrigada ;)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...